30/9/2009
Nilton Santos agradece os gestos e palavras dos botafoguenses


A inauguração da estátua do Botafogo no último domingo, 27 de setembro de 2009, foi um sucesso. Artistas, ex-jogadores do clube, amigos e representantes do Botafogo Futebol e Regatas cuidaram para que a homenagem ao maior lateral esquerdo da história fosse verdadeiramente emocionante.

Abaixo, confira o discurso escrito por esses torcedores e recitado, com o coração na boca e mãos trêmulas, por Thierry Figueira.

“A inauguração hoje dessa estátua é um acontecimento histórico. Homenagear alguém como Nilton Santos é algo mágico e único, por uma simples razão: jamais existirá outro jogador no mundo igual a ele. Homenageá-lo é também homenagear o esporte, a arte, a simplicidade que só os grandes heróis, os grandes ídolos e grandes campeões conseguem ter.

Homenagear Nilton Santos, para nós botafoguenses, é a prova de que o clube fundado por garotos deu certo. Hoje estamos também homenageando aqueles jovens sonhadores que viram o seu time de rua se transformar num dos clubes mais importantes do mundo. È uma homenagem a nossos pais, amigos e a todos aqueles que nos fizeram Botafogo, e é claro, também aos grandes craques que vestiram a nossa camisa. Craques que fizeram a história do futebol carioca, brasileiro e mundial. Craques que se transformaram em lendas, em mitos. Eles são a nossa maior riqueza, nosso tesouro, nossa maior vitória. Quantos clubes no mundo tiveram jogadores iguais aos nossos? Quantos países do mundo tiveram craques iguais aos nossos? Nilton Santos é o símbolo vivo deles todos.

Por isso não abaixem a cabeça após uma, duas ou três derrotas. Não abaixem por nada, quanto mais tentam nos derrubar, mais forte nos levantamos, essa é a nossa história. Quem tem um passado como o nosso não pode temer nada, quem tem uma história como a nossa será sempre gigante, glorioso, imortal. Esse orgulho devemos a esses jogadores, verdadeiros monstros do futebol, que tanto honraram a nossa camisa.

Por isso, é com grande orgulho que digo que o jogador que mais atuou pelo Botafogo, que mais foi campeão pelo Botafogo, ficará para sempre imortalizado aqui. E podem ficar tranqüilos, não vamos deixar Nilton sozinho. No futuro, colocaremos ao seu lado, ali na ponta direita, o nosso anjo Mané Garrincha depois, Jairzinho, Heleno, Didi, Gerson, Paulo Cesar, João Saldanha. No futuro, esse lugar será o nosso olimpo, aqui reverenciaremos nossos deuses e mostraremos aos nossos filhos porque somos imortais.

Nilton, você é imortal! Você nos honrou com sua lealdade, com sua valentia, com sua majestade, com sua classe, com as suas vitórias, mas, sobretudo, você nos honrou porque sempre foi um de nós, porque sempre jogou por amor a nossa camisa. E é por amor que estamos todos aqui. Por amor, retribuímos e o imortalizamos, nosso grande ídolo, nosso grande mestre, nosso grande herói. Você sempre será o maior lateral esquerdo que esse planeta já viu. A partir de hoje, na porta principal do nosso estádio, seus passes, dribles e sua arte estão eternizados. Que a sua imagem aqui nos traga de volta, as grandes vitórias, os grandes títulos, as grandes glórias. Mais uma vez, Nilton, muito obrigado. E como diz uma amiga, a Tuca: “que me perdoem as outras religiões, mas para nós botafoguenses, Deus aqui tem nome e esse nome é Nilton Santos”.

Nilton Santos, através do seu site oficial, faz seu mais profundo e sincero agradecimento a todos que contribuíram para o maior presente e demonstração de carinho que, pessoas como ele, apaixonadas pela Estrela Solitária, lhe deram.

Muito obrigado, torcida botafoguense!